30 janeiro 2014

O alvo do Biathlon


Hoje decidi ir até lá e fazer algumas fotos para vocês terem uma idéia de como funciona o alvo de Biathlon de perto. Este alvo da foto é de um campo de tiro privado que fica em Dobiacco, na Itália.



O acionamento deste alvo é mecânico, ou seja, para armar o alvo temos que puxar uma corda que fica ao lado do mesmo. Existe outro mecanismo que é automático, ou seja, pouco tempo depois que o atirador fez os disparos, o alvo rearma automaticamente através de um sistema eletrônico.

Quando conseguimos acertar o alvo, a parte preta vai para trás, a tampa branca sobe e "fecha" o alvo. Quando erramos ele fica "aberto" (=preto).


Os alvos ficam a 50 metros de distância do atirador, a carabina que utilizamos é de calibre .22 e a munição é bem pequena, do tamanho de uma tampinha de cerveja!



A cada parada no campo de tiro, atiramos uma bateria de 5 tiros, uma vez em cada círculo preto.

O alvo na posição em pé tem 11,5cm de diâmetro o que representa o círculo que enxergamos de longe, já o deitado o circulo é menor 4,5cm, e somente conseguimos ver de perto esta diferença, por isso, na posição deitada temos que atirar bem no centro para o alvo fechar!


De longe, parece a mesma coisa, pois o que vemos é o círculo preto, do tamanho do diâmetro da posição em pé. Mas o alvo tem duas placas pretas que deslizam uma sobre a outra, o que muda a diferença do tamanho do alvo nas duas posições.

Quando a posição em pé esta armada, uma bandeira metálica laranja sai do lado para indicar que o alvo esta nesta posição. Já a posição deitada esta placa laranja não aparece.


E os treinos continuam aqui a todo vapor. Estamos treinando à noite para acostumar com o horário das provas em Sochi e também ajustar a visão para a iluminação artificial, impressionante como o campo de visão muda! 




Estas fotos são de Antholz, voltamos para este campo de tiro para os treinos noturnos...e sim, a nossa bandeira brasileira continua lá, lindona, desde a Copa do Mundo!

Nenhum comentário:

Postar um comentário